''se você não está disposto a arriscar, esteja disposto à uma vida comum''

  • Instagram
  • YouTube
  • Facebook
Assista o vídeo abaixo e saiba como participar do curso...

Como é o trabalho do detetive particular

Alexandre Taurus é apaixonado por investigação e atua a mais de 10 anos como detetive particular. Na sua jornada já ajudou mais de 35 mil clientes a descobrir a verdade, com sua agência de investigação e com seu software espião. Mais empolgado do que nunca,  ele quer levar esse conhecimento para  milhares de pessoas com seu curso de detetive.
 
 
 
Vem comigo!!!

QUEM É ALEXANDRE TAURUS?

MÓDULOS DO CURSO

01- ASSUNTOS GERAIS
07- INVESTIGAÇÕES EMPRESARIAIS
02- ASSUNTOS TÉCNICOS
03- INVESTIGAÇÕES COM USO DE SOFTWARE ESPIÃO
04- INVESTIGAÇÕES GERAIS
05- INVESTIGAÇÕES DE CASOS DE INFIDELIDADE CONJUGAL
08- INVESTIGAÇÕES DE LOCALIZAÇÃO DE PESSOAS E VEÍCULOS
09- INVESTIGAÇÕES DE BUSCA DE INFORMAÇÕES
10- INVESTIGAÇÕES DE ANIMAIS DESAPARECIDOS
11- INVESTIGAÇÕES COM RASTREADOR GPS E ESCUTA AMBIENTE
06- INVESTIGAÇÕES DE ENVOLVIMENTO COM DROGAS E VÍCIOS
12- ACONSELHAMENTOS E DEVERES DO DETETIVE
BÔNUS 02
CRIAÇÃO DE SITE
BÔNUS 01
CONTRATO / ORIENTAÇÃO PARA PREENCHIMENTO DO CONTRATO
BÔNUS 03
ESTRATÉGIA DE MARKETING

DEPOIMENTOS DE ALUNOS 

Daniel Augusto.     Florianópolis/SC
Rodrigues   Palmas/ TO
Magno    Minas Gerais
Hércules   Cascavel/PR

SE NÃO GOSTAR DO CURSO, DEVOLVO TODO O SEU DINHEIRO

É MUITO SIMPLES:

O curso da Taurus vem com uma garantia de 07 dias.

Se, em qualquer momento dos próximos 07 dias, você não tiver satisfeito, por qualquer motivo, apenas me avise que eu vou devolver TODO o seu dinheiro, sem nenhuma pergunta.

Eu criei essa garantia, porque sei que os meu curso pode mudar a sua vida  e eu não quero que você perca essa oportunidade.

Estou te dando todas as garantias que eu posso, para você ter resultado. Só depende de você. Agora só falta você clicar no botão aqui embaixo!

curso detetive taurus investigações

De R$ 1.497,90  

por  R$ 697,90  

até 12x de 67,91

Aproveite enquanto ainda há tempo...

F.A.Q   PERGUNTAS FREQUENTES

Perguntas frequentes

O trabalho do detetive particular é reconhecido por lei/autoridades ?


Sim! A profissão de detetive particular agora é reconhecida por lei. A Lei 13.432/2017 O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei: Art. 1o (VETADO). Art. 2º Para os fins desta Lei, considera-se detetive particular o profissional que, habitualmente, por conta própria ou na forma de sociedade civil ou empresarial, planeje e execute coleta de dados e informações de natureza não criminal, com conhecimento técnico e utilizando recursos e meios tecnológicos permitidos, visando ao esclarecimento de assuntos de interesse privado do contratante. § 1º Consideram-se sinônimas, para efeito desta Lei, as expressões “detetive particular”, “detetive profissional” e outras que tenham ou venham a ter o mesmo objeto. § 2º (VETADO). Art. 3º (VETADO). Art. 4º (VETADO). Art. 5º O detetive particular pode colaborar com investigação policial em curso, desde que expressamente autorizado pelo contratante. Parágrafo único. O aceite da colaboração ficará a critério do delegado de polícia, que poderá admiti-la ou rejeitá-la a qualquer tempo. Art. 6º Em razão da natureza reservada de suas atividades, o detetive particular, no desempenho da profissão, deve agir com técnica, legalidade, honestidade, discrição, zelo e apreço pela verdade. Art. 7º O detetive particular é obrigado a registrar em instrumento escrito a prestação de seus serviços. Art. 8º O contrato de prestação de serviços do detetive particular conterá: I - qualificação completa das partes contratantes; II - prazo de vigência; III - natureza do serviço; IV - relação de documentos e dados fornecidos pelo contratante; V - local em que será prestado o serviço; VI - estipulação dos honorários e sua forma de pagamento. Parágrafo único. É facultada às partes a estipulação de seguro de vida em favor do detetive particular, que indicará os beneficiários, quando a atividade envolver risco de morte. Art. 9º Ao final do prazo pactuado para a execução dos serviços profissionais, o detetive particular entregará ao contratante ou a seu representante legal, mediante recibo, relatório circunstanciado sobre os dados e informações coletados, que conterá: I - os procedimentos técnicos adotados; II - a conclusão em face do resultado dos trabalhos executados e, se for o caso, a indicação das providências legais a adotar; III - data, identificação completa do detetive particular e sua assinatura. Art. 10. É vedado ao detetive particular: I - aceitar ou captar serviço que configure ou contribua para a prática de infração penal ou tenha caráter discriminatório; II - aceitar contrato de quem já tenha detetive particular constituído, salvo: a) com autorização prévia daquele com o qual irá colaborar ou a quem substituirá; b) na hipótese de dissídio entre o contratante e o profissional precedente ou de omissão deste que possa causar dano ao contratante; III - divulgar os meios e os resultados da coleta de dados e informações a que tiver acesso no exercício da profissão, salvo em defesa própria; IV - participar diretamente de diligências policiais; V - utilizar, em demanda contra o contratante, os dados, documentos e informações coletados na execução do contrato. Art. 11. São deveres do detetive particular: I - preservar o sigilo das fontes de informação; II - respeitar o direito à intimidade, à privacidade, à honra e à imagem das pessoas; III - exercer a profissão com zelo e probidade; IV - defender, com isenção, os direitos e as prerrogativas profissionais, zelando pela própria reputação e a da classe; V - zelar pela conservação e proteção de documentos, objetos, dados ou informações que lhe forem confiados pelo cliente; VI - restituir, íntegro, ao cliente, findo o contrato ou a pedido, documento ou objeto que lhe tenha sido confiado; VII - prestar contas ao cliente. Art. 12. São direitos do detetive particular: I - exercer a profissão em todo o território nacional na defesa dos direitos ou interesses que lhe forem confiados, na forma desta Lei; II - recusar serviço que considere imoral, discriminatório ou ilícito; III - renunciar ao serviço contratado, caso gere risco à sua integridade física ou moral; IV - compensar o montante dos honorários recebidos ou recebê-lo proporcionalmente, de acordo com o período trabalhado, conforme pactuado; V - (VETADO); VI - reclamar, verbalmente ou por escrito, perante qualquer autoridade, contra a inobservância de preceito de lei, regulamento ou regimento; VII - ser publicamente desagravado, quando injustamente ofendido no exercício da profissão. Art. 13. Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação. Brasília, 11 de abril de 2017; 196o da Independência e 129o da República. MICHEL TEMER




Exigências para fazer o curso de detetive particular?


Idade mínima 18 anos, ambos os sexos, sem exigência de nível de escolaridade. Não ter antecedentes criminais, estar em dia com suas obrigações civis e militares.




Quais equipamentos necessários para axercer a profissão?


Inicialmente é necessário uma câmera fotográfica ou mini filmadora, conforme o curso ensina.




O mercado de trabalho para detetive particular é bom ?


Sim. Conforme pesquisas realizadas por diversos órgãos de imprensas e comunicação, a profissão que mais cresce no mercado de trabalho é de Investigador / Detetive particular, pois dia a dia aumenta o número de adultérios, roubos em hotel e comercio em geral, extorsão, fraudes, estelionatos, pessoas desaparecidas, prejuízos nas indústrias e comercio. Tudo isto vem crescendo muito nos últimos anos.




Tem o curso presencial ou só online ?


Nosso curso é somente online. Assim o aluno pode estudar nas suas horas livres. As aulas podem ser assistidas de qualquer aparelho celular ou computador.





''se você não está disposto a arriscar, esteja disposto à uma vida comum''
DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO
Taurus Investig
CNPJ 29.824.930/0001-41